sexta-feira, 16 de maio de 2014

Ministério Público Eleitoral pede cassação do prefeito de Irauçuba

O Ministério Público Eleitoral emitiu parecer favorável à cassação do prefeito de Irauçuba, José Mota. O MPE baseou-se em apuração feita pelo promotor de justiça Primo de Augusto Almeida Pereira, da 41ª Zona Eleitoral, com sede em Itapajé, apontando que o ex-prefeito Raimundo Nonato fez 153 contratações  irregulares para beneficiar a campanha do atual prefeito.
O MPE também acusa o ex-prefeito de ter disponibilizado, no período do expediente de trabalho, vários servidores das pastas da Saúde e Educação durante a campanha de José Mota. O parecer já está com a juíza eleitoral Daniela Estêvão Albuquerque, da 41ª Zona Eleitoral, que deverá acatar ou não o pedido de cassação.
Além dessas denúncias, há outras quatro queixas de irregularidades durante a campanha do prefeito João Mota ainda aguardando parecer do promotor, que conta com uma série de filmagens e outros denúncias oriundas da Promotoria de Combate aos Crimes contra a Administração Pública (Procap).

Nenhum comentário:

QUER NOS MANDAR UM E-MAIL?


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


TRASLATE

Flag Counter...

free counters

TWITTER

Sigua nós no Twitter