segunda-feira, 23 de novembro de 2009

LUIZIANNE LINS, ELEITA PRESIDÊNCIA DO PT NO ESTADO DO CEARÁ

O discurso da prefeita é de unidade da agremiação e manter a aliança com o governador Cid Gomes, em 2010
Os números finais da eleição só serão conhecidos após o recebimento das informações sobre o processo de votação, ontem, em alguns municípios cearenses. Em Fortaleza, onde se concentram a grande maioria de filiados do PT, o processo de votação foi tranquilo e a expectativa é da eleição da prefeita Luizianne Lins, para a presidência do partido no Estado. Os desafios da petista serão de construir o palanque no Ceará para a candidata da agremiação à Presidência da República, ministra Dilma Rousseff, e manter o partido na aliança de apoio à reeleição do governador Cid Gomes (PSB), além de manter o posto de vice-governador e garantir indicação de um dos seus filiados para disputar uma vaga de senador. O governador já garantiu que um dos candidatos ao Senado (são dois candidatos para cada partido ou coligação) será o deputado federal Eunício Oliveira (PMDB). A totalização dos votos deve ocorrer até amanhã. Até as 22 horas de ontem, somente 5% dos votos haviam sido apurados. A contagem em Fortaleza estava prevista para ser concluída à meia-noite de ontem. A prefeita Luizianne Lins (PT) minimizou, ontem à tarde, depois de votar na Escola Edite Braga, na Aerolândia, as declarações do ainda presidente estadual da agremiação, Ilário Marques, de que a ausência de outras candidaturas ao comando da legenda no Ceará minava o debate dentro do partido, principalmente sobre a política de alianças dos petistas para as eleições de 2010, publicadas no Diário do Nordeste de 17 de novembro último. Unidade
Luizianne também citou a importância da agremiação ter unidade para o pleito do próximo ano, quando o PT terá como candidata a presidente da República, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e que, em âmbito cearense, vai defender o apoio da agremiação à reeleição do governador Cid Gomes (PSB) ao Palácio Iracema. Na mesma seção eleitoral de Luizianne, no processo de eleição dos novos dirigentes partidários, votaram o ministro da Previdência Social, o deputado federal José Pimentel, nome do partido para disputar uma das duas vagas de senador, e vários auxiliares da prefeita. Sobre a suposta ausência de debate no partido, durante a campanha, ontem encerrada, Luizianne respondeu que não é pelo fato de ter havido somente duas candidaturas a presidente (no caso a dela e de Maria José Alves Morais) que não tenha ocorrido discussões, citando os debates entre os representantes das sete chapas às 55 cadeiras do Diretório Estadual. "São sete chapas que estão debatendo tese sobre a conjuntura. Então, só há consenso em torno da presidência nesses seis grupos. Internamente, essas chapas estão debatendo os rumos do partido, a conjuntura, o olhar sobre o Governo do Estado e à Prefeitura de Fortaleza. Então, isso tudo faz parte da cultura interna do PT", colocou. Articulação Estadual
Luizianne disse que na condição de militante e de presidente do partido vai abrir o debate e defender o apoio do PT à reeleição de Cid Gomes (PSB) ao Palácio Iracema nas eleições do próximo ano. "Vamos trabalhar em torno da maioria do partido. Temos posições diferenciadas, realizaremos debates internos e vamos ver as melhores condições para o partido, estrategicamente para o Ceará, porque vai prevalecer é a vontade da maioria, tenho a minha voz pessoal como militante, dar minha posição e ouvir os companheiros. O que for decidido pela maioria irei respeitar", ponderou. Já o ministro da Previdência, deputado José Pimentel, ressalta que o contexto da eleição estadual do PT este ano, em relação a 2007, foi diferente porque o que se busca agora é a unidade do partido. Ele espera o resultado da eleição a fim de que inicie as discussões para a formalização da nova Executiva. Sobre ser candidato ao Senado, voltou a reiterar que somente a partir de março começam as discussões sobre o Ceará.

Nenhum comentário:

QUER NOS MANDAR UM E-MAIL?


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


TRASLATE

Flag Counter...

free counters

TWITTER

Sigua nós no Twitter