sexta-feira, 9 de setembro de 2011

PSB MUNICIPAL: Disputa interna será levada a Cid

Presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, estará, hoje, no município do Crato para receber título de cidadania
Rogério Pinheiro, cotado para presidir o PSB, garante que, somente agora, o governador será procurado.
Depois de decidir que irá destituir toda a executiva municipal do PSB municipal, além dos integrantes dos Conselhos de Ética e Fidelidade Partidária e Fiscal, o grupo majoritário que, hoje, está comandando o partido, solicitou, ontem, ao governador Cid Gomes, dirigente estadual da agremiação, uma audiência destinada a discussões acerca da preparação da legenda para as eleições municipais, assim como da divisão interna acirrada entre os dirigentes partidários.
O grupo, que há alguns meses está tomando as decisões relacionadas à sigla, é todo aliado de Cid Gomes, porém, em entrevista ao Diário do Nordeste, representantes do colegiado garantem que o governador não deu orientação nenhuma ao colegiado que, no próximo dia 15, deverá aprovar a destituição da Executiva municipal.
"Ainda não conversamos com o governador sobre o assunto, vamos marcar um encontro com ele na situação de presidente da Executiva estadual do partido", revelou o ex-vereador Rogério Pinheiro, membro da Executiva municipal e um dos nomes cotados para comandar a legenda quando da escolha dos novos dirigentes.
Presidente
A ideia do grupo majoritário era realizar uma reunião com Cid Gomes antes do dia 15, quando ocorrerá reunião para escolher o novo presidente, porém, ainda não foi possível por falta de espaço na agenda do gestor. No entanto, ao ser questionado sobre a escolha do novo dirigente, Rogério Pinheiro assegurou que o partido não tem a intenção de consultar o governador sobre o novo nome.
O ex-vereador explica que o nome deve ser apontado pelos membros da Municipal e diz que o objetivo do grupo majoritário é dar informes ao governador sobre as decisões. "A gente entende que isso tem que ser decido pela Municipal", avisou, acrescentando que o novo dirigente vai precisar ter bom diálogo com Cid Gomes.
Essas definições comandadas pelo grupo aliado a Cid Gomes fez com que Sérgio Novais elaborasse uma representação interna para tentar anular a ideia de destituição da Executiva municipal e a convocação do encontro do dia 15 de setembro. Portanto, o objetivo de Sérgio é ir, hoje, ao município do Crato entregar o documento nas mãos do presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, que receberá homenagem no local.
Nacional
De início, nenhum dos representantes do grupo majoritário - que já teve reunião com dirigentes nacionais na semana passada- confirmou a participação no evento onde estará Eduardo Campos. Porém, em função da decisão de Sérgio, alguns membros do grupo se articulava, ontem, para viajar ao Crato hoje. Além disso, o presidente da Assembleia deputado Roberto Cláudio (PSB), que apoia a destituição da Executiva, deverá receber o presidente nacional.
Em ofício encaminhado ao governador, pedindo a audiência, além da disputa interna, o grupo promete tratar sobre as estratégias para preparação da chapa de pré-candidatos a vereador de Fortaleza e da agenda dos próximos eventos do Ciclo de Debates sobre Fortaleza, na qual a agremiação está discutindo questões ligadas à Capital a fim de elaborar um programa para o possível candidato à Prefeito de Fortaleza.

Nenhum comentário:

QUER NOS MANDAR UM E-MAIL?


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


TRASLATE

Flag Counter...

free counters

TWITTER

Sigua nós no Twitter