sábado, 10 de março de 2012

Série B: Caminhada para o acesso

O Ceará já conhece a sequência de jogos que fará na Série B. A estreia ocorrerá contra o América/MG no PV


Vozão quer repetir as cenas de 2009, quando obteve o acesso em Campinas
A Série B não era bem a competição que a torcida do Ceará queria ver em 2012, mas como o Vovô foi rebaixado da divisão de elite no ano passado, o jeito é dar uma bisbilhotada na tabela da Segundona, divulgada pela CBF na manhã de ontem.
O Alvinegro começa sua caminhada em busca do acesso no dia 19 de maio contra o América/MG, no Presidente Vargas, e fecha sua participação no dia 24 de novembro contra o Vitória/BA, no Barradão.
O vice-presidente do Ceará, Robinson de Castro, viu com bons olhos estrear diante da torcida. "Começar a Série B apoiado pela torcida aumenta nossa chance de começar bem. Quanto à última rodada em Salvador, fora de casa, esperamos não deixar para decidir lá", analisou.
Os locais dos jogos, assim como horários e datas, ainda são provisórios. A CBF deve divulgar a tabela definitiva em breve, após definir os jogos a serem transmitidos pelas TVs detentoras dos direitos de transmissão.
Uma novidade para 2012 é que a Série B terá clássicos regionais na última rodada dos dois turnos, assim como acontece na Série A. Destaque para Avaí x Criciúma, Atlético/PR x Paraná e ABC x América/RN.
Confiança
O caminho de volta à Série A não será fácil. O Vovô enfrentará clubes fortes como Atlético/PR, Avaí, Goiás, além de Vitória/BA e América /MG.
No entanto, a diretoria do Vovô mostra-se confiante. Para Robinson, o fato do Ceará ter subido em 2009 faz com que o clube veja o acesso à Série A como um objetivo possível.
"Sabemos que subir para a Série A não é impossível. Talvez antes tivéssemos essa impressão, pois foram muitos anos na Série B, mas o fato de o Ceará ter subido recentemente nos dá essa confiança e a certeza de que é possível. Será um campeonato duro, difícil, será preciso regularidade, mas estamos nos organizando para isso", analisa.
O dirigente garantiu um investimento maior para disputa. "Temos um planejamento para o Estadual, e outro para a Série B. O investimento será mais forte no segundo semestre".
Para isso, o clube confia no apoio dos torcedores. "A torcida sempre chega junto, tem esse comportamento de se unir em torno do clube. O número de sócios deve subir bastante na Série B, e o apoio deve ser marcante nos jogos no PV", anseia.
Lula com dúvidas para escalar o Vovô
Procura-se um lateral-esquerdo e um volante. Essa é a súplica do técnico Lula Pereira, que quebra a cabeça para montar o dois setores para o jogo de amanhã contra o Ferroviário.
Na lateral, o treinador não poderá contar com Paulo Sérgio, expulso no último jogo. Já o volante Everton cumpre suspensão pelo terceiro amarelo.
Por isso, as opções são escassas, e o técnico usou o treino de ontem para observar os candidatos às vagas. São dois postulantes por posição, sendo um especialista e outro improvisado.
Na lateral, Romano e Geovane foram observados em treinos específicos de cruzamento, e um deles será escalado. O primeiro é lateral-esquerdo de ofício, enquanto o segundo é meia.
Para volante, Leandro Chaves e Juca disputam a vaga, com mais chance para o primeiro. Leandro está sendo testado mais recuado em campo, já que Lula observou que o jogador desempenha melhor essa função.
O caso de Juca é mais complicado. O jogador foi sacado contra o Gama/DF, na última quarta-feira, e sequer viajou. Embora Lula Pereira tenha declarado que Juca não foi afastado por indisciplina e sim apenas preterido do time, ele deixou claro que o atleta não tem o poder de marcação exigido e que o time perde em pegada com ele em campo.
Assim, o Vovô deve entrar em campo com: Fernando Henrique; Apodi, Daniel Marques, Erivélton, Romano (Geovane); Heleno, Bruno, Leandro Chaves (Juca) e Rogerinho; Mota e Felipe Azevedo.

Nenhum comentário:

QUER NOS MANDAR UM E-MAIL?


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


TRASLATE

Flag Counter...

free counters

TWITTER

Sigua nós no Twitter